segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Confeitaria Max, delícias do tempo da vovó

Uma confeitaria que se mantém aberta há mais de 50 anos em Porto Alegre merece aplausos. E, ainda fazendo bem feito, nossa, merece aplausos de pé e com a platéia cheia. A Max é assim. 
Muita gente resgata uma memória afetiva e gustativa nesta confeitaria.
Lembra daquele biscoito amanteigado da casa da avó ?
O do bolinho no lanche da tarde?
Ou do chocolate que alguém presenteava na Páscoa?  
Quando eu era pequena, ganhar um chocolate de Páscoa da Max era como ganhar um da Kopenhagen , um luxo só. Até hoje recebo os bombons da Max da minha sogra nessa data. Para as crianças, a Max tem chocolates com formato especial: de bichinhos...
...ou flores
Peguei alguns para levar ao meu pequeno chocólatra: o Matias. O valor dos chocolates e biscoitos é por peso.
A confeitaria tem dois endereços em Porto Alegre. O mais tradicional é o da Bordini. Passamos por lá esses dias e compramos o nosso lanchinho da tarde. É possível comer no local, mas acho mais gostoso levar para casa. Foi o que fizemos. A Catarina saboreou um doce com uva, o melhor de todos na minha opinião. Único defeito é que eles não retiram as sementes.
Levamos também um bolinho mármore fofinho. Eu comi o meu pedaço com um cafezinho, uma delícia. 
Trouxe também um salgado de queijo, mas achei um tanto massudo. (Psiu: aquela folhinha ali no canto foi ideia da minha minichef Catarina!)
A Max ainda surpreende a gente na hora de pagar, tudo isso custou apenas R$ 22 (bolo inteiro, 8 amanteigados, 6 chocolates, 1 salgado, 1 doce). Tomara que eles continuem por aí por muitos e muitos anos.

Rua Cel. Bordini, 127
Auxiliadora – Porto Alegre/RS
(51) 33 43 2521
www.chocomax.com.br 

11 comentários:

Carol Garcia disse...

Judiação, Alê!
eu ainda nem tomei café da manhã!
kkkk
pena que as padocas da minha infância não resistiram e fecharam todas aqui na city...
bjo bjo

Carol P disse...

Querida tu me mata de gula assim
AMo de paixao os merengue com chocolate, em dezembro estava em falta e fiquei a ver navios. Adoro os speculos, bombons, salgadinho de queijo....
ALis nao posso passar na frenre do MAX nem dos Doces de Pelotas, aquela lojinha pequena ali perto da 24, pq amboa lugares me puxam para dentro e nao consigo controlar, nem sair de maos e estomago vazios.
Boa semana.
bj

dani disse...

Alexandra!!! Nossa e tu sabes que nós que fizemos os móveis do max, a uns 30 anos atrás. Claro que eu não estava por aqui ainda!!!!

Mamma Mini disse...

Alê fiquei com fome! mas tô de dieta, como faz? rs rs rs, cada vez que venho no seu blog sinto o quanto preciso ir para Porto Alegreeeeeeeeeeee de novo! rs rs rs adorei os chocolates em forma de bichinho, o David também é super chocólatra...rs, não é fácil de encontrar né? e os bolinhos? aiaiaiaiiai, já que não vou até aí, vou passar na casa da minha avó que sempre tem um bolinho ou tortinha saindo do forno...rs
um beijooooooooooooooooo! adorei! como sempre!

Alexandra disse...

Nossa, Dani Ceccato. Que legal que foram vcs que fizeram os móveis da Max. A madeira ainda está liiinda!

Coisas de mãe disse...

A-DO-RO biscoito amantegado! Quanta coisa gostosa! beijos

Pati

gisele.artes disse...

Bah! Mais uma q eu não conhecia!!!Se ocarro ficar pronto amanhã de manhã, vou a tarde correndo lá tomar um café com bolo com as crianças!!! Brigadão pela dica maravilhosa, como sempre!!! bjos!!!:)

Chica disse...

Até hoje é maravilhosa e sempre com a qualidade DEZ! Lindo blog! Adorei!abraço,chica

Ligia disse...

Nossa, Alexandra!

Esse post mexeu comigo! Porque fala em avó, doces confeitados (principalmente com uva), chocolates, e ovos de Páscoa, e isso tudo em Porto Alegre!

Imagina que meus avós paternos eram ítalos-gaúchos, e sempre moraram em POA, e eu, meus pais e irmãos, sempre no Rio.

E ela, minha vó, uma autêntica nonna, que fazia coisas maravilhosas na cozinha, principalmente a parte de massas, pães e doces de uva (geléias que aprendeu a fazer com uma amiga alemã, e que nunca saíram de minha memória afetivo-gustativa).

Outra coisa que me marcou para sempre, foram os ovos de Páscoa, enormes, todos confeitados de açúcar candy, com um visor, por onde se olhava pra dentro dos mesmos, e se viam gravuras lindas. Eles chegavam pra nós enviados por avião, e eu ficava numa alegria louca, ao recebê-los.

Nunca vi nada parecido no Rio.
Agora vendo seu post, imagino que fosse de alguma confeitaria, ou bombonière de sua cidade, tal qual essa que nos apresenta...

Acredito que o Matias, quando estiver bem crescidinho, ou mais velhinho, como eu, nunca esquecerá desses chocolates, em forma de bichinho, de sua infãncia...
Bárbaro!
Beijos

Amanda disse...

onde você comprou o caderno para autografos? bjo

Alexandra disse...

Oi Amanda
O caderno de autógrafos é o da Disney? Pelo visto é.
Em qualquer loja de produtos Disney nos parques eles vendem vários modelos. Nas lojas da cidade de Orlando também.
Fora dos parques tem uma loja da disney grande no Florida Mall e no Downtown Disney.
abs
Alexandra