terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

El Palenque: porque nós somos carnívoros

O El Palenque é um clássico uruguaio. Todo o brasileiro que visita Montevidéu pela primeira vez leva a dica turística na mala: almoçar no El Palenque do Mercado del Puerto, especializado em carnes e pescados desde 1958 (para maiores de 18 anos, a dica inclui tomar um medio & médio no balcão). E tem El Palenque em Punta? Tem sim, senhor! Para a alegria dos carnívoros, o restaurante tem uma filial em Punta del Este localizada quase em frente ao shopping do balneário. Porém, verdade seja dita, a cada ano que passa, a conta salgada afugenta os clientes. Fora isso, é um lugar perfeito para comer bem com crianças.
Faça como a gente: tente ignorar os comentários de amigos sobre os preços altos e aprecie uma bela parrilla sem moderação. Em nome de um entrecot suculento e um assado de tiras no capricho, lá fomos nós. É só o pão chegar quentinho na mesa e o garçom mostrar a sua gentileza e paciência com as crianças que você esquece qual era o único ponto negativo do local (qual era mesmo?).  
O ambiente é espaçoso e (eu acho) masculino. Dá uma olhada nos presuntos crus pendurados pelo restaurante.  
Nas mesas, muitas famílias com crianças, avós, primos, nonos e nonas (extremely family-friendly). Ah, para os não simpatizantes do boi na brasa, o El Palenque também serve frutos do mar. Um tiozinho da parrilla  já aproveitou e exibiu o seu porquinho (eca) para a péssima fotógrafa. 
Na rua tem um brinquedinho simples para a garotada se distrair. 
Ainda acho mais divertido levar a turminha para observar a preparação das carnes no fogo.
Vamos aos trabalhos. Começamos com uma morcilla salgada para os adultos e um chorizo para as crianças. 
Depois, um espaguete na manteiga com um entrecot. 
Uma saladinha fresca. 
E.. “ só mais cinco minutos” , “só mais um pouquinho” , “ tá quase” , “ tá saindo”... Aviso aos navegantes: o assado de tiras demora. Ok, mas compensa, pois chega divino, macio e delicioso. Só perde para o do Cabaña Las Lilas de Buenos Aires 
Um brinde a ele!
La cuenta, por favor!  Humm, algo na casa dos R$ 230. Para muitas famílias é mais que uma tradição chegar em Punta e fazer uma refeição neste restaurante. É lei!  (não é, Fernando, Vicente, Homero, Roberto, Cláudio, Luciano, Cau e Guto?)
Av. Roosevelt Parada 6 (em frente ao Punta Shopping)
(+598 42) 494 257
 / 494 260
reservas@elpalenque.com.uy

10 comentários:

Mãe de Duas disse...

Alexandra, jura que as crianças comem morcilla, chorizo e depois espaguete con entrecot??
Que delícia levá-los a restaurantes tão bacanas, hein!
Amei o post!
Bjs
Priscilla

Carol P disse...

Essa foto do assado de tira, foi maldade...
; )
bj

destemperadinhos disse...

Oi Mãe de Duas (Pricilla). Meus filhos NÃO comem morcilla (nem eu teria coragem de dar para eles). Só o chorizo que é uma linguicinha. Bjcs Alexandra

Cinderela Descaída disse...

Meu sogro adora o Palenque e vai lá sempre que está em Punta. É a Meca dele!
Um dia, ainda vou com as meninas... bjs

Coisas de mãe disse...

Adoro carne!

Delicia!

Anônimo disse...

Adorei o post! Mas pq o "eca" para o porquinho? Devia estar bem suculento.

Ayla Zanini disse...

Olá, somos alunos de pós-graduação e o tema de nosso trabalho de conclusão de curso é: mães que viajam com seus filhos. Fizemos uma pesquisa por blogs sobre o assunto e encontramos seu contato. Gostaríamos que você nos ajudasse respondendo algumas perguntas sobre esse tema, lembrando que esse questionário tem fins acadêmicos.
Para participar, basta acessar o link:
https://spreadsheets.google.com/viewform?formkey=dF9Yc2xjbk5UOHJWTUFCUWNEVEoxZ1E6MQ
Agradecemos sua participação.

Ligia, mãe da Júlia disse...

Que delícia, Alexandra!! Somos todos carnívoros aqui em casa. Meu marido, apesar de japa, disse que jamais casaria comigo se eu fosse vegetariana...
A Julinha adora uma carne e um osso, mas morcilla ainda é cedo demais. Beijos.

Alexandra disse...

Ui, já corrigi lá no texto gente. A morcilla é para os adultos e o chorizo para as crianças. Não teria coragem de dar morcilla para os meus filhos e nem eles comeriam. bjcs

Ligia disse...

Querida Ale!

Estava saudosa disso aqui, e ao entrar, e dar uma olhada nas últimas matérias (vou lançar um título, que daria inveja a Proust: "em busca dos posts perdidos". Hahaha), não resisti em subverter a ordem de suas postagens, ao avistar as palavrinhas El Palenque e carnívoros!

Uau! Aqui em casa somos loucos por churrasco: filha e netos de gaúcho (e mais células genéticas italianas, portuguesas, campistas, ou seja; uma babel glutão-gastronômica pra ninguém botar defeito...). Meu mais velho, é o próprio homem das cavernas!

Aliás, adoro o nome das mães aqui presentes, e entre elas há a Ligia, mãe da Júlia. Pois eu sou a Ligia, mãe do Guilherme e do Fernando, os carnívoros.

Excelente seu post! Deu uma vontade absurda de comer uma carninha al carbón dos uruguaios!
Só não gostei do porquinho, tadinho...Suas crianças não se impressionaram?

De tudo aí, só não consigo comer morcilla! ui! Acho que é porque sou uma eterna criança. hehehe. Só vou de linguicinha também. rsrs
Alexandra seu blog é uma maravilha!

Estou sempre encantada!
Beijos.