sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Outback e o nosso happy familiy hour

Mãe e filha foram ao Outback antes do cinema. Durante a refeição, alguém (com pinta de dono) perguntou se estamos sendo bem atendidas e se a Catarina gostava do Outback. Ela responde com toda a espontaneidade: “Eu não gosto. Eu amo”. Ele ficou tão lisonjeado com o comentário sincero dela que resolveu dar à menina um vale com direito a uma refeição completa. Então a família toda voltou ao Outback para usufruir do vale. É assim que começa este post.
A rede Outback dispensa apresentações. A decoração pode até ter um clima australiano, com os cangurus e tal. Mas aquelas mesas, a iluminação e o estilo de atendimento não me enganam: tudo tem um quê de “american way of life”, inclusive o tempero (que adoro).
O pessoal trata e serve muito bem os pitocos. O Destemperados já tinha dado essa letra de que o local era child friendly (leia o post aqui). Mesmo assim, não é um restaurante para levar crianças com fraldas. É barulhento e escuro. A idade recomendada (na avaliação Destemperadinhos) é a partir dos três anos. Fase em que eles curtem mais e descobrem cada cantinho, ou melhor, cada bicho espalhado pelo local.
Tem até uma sala cubículo com televisão e uns brinquedos para os clientes mirins. Dessa vez, não ganhamos revistinhas, papel e giz para desenhar (sei que o Outback oferece essa facility).
Fomos toda a família no Billabong Hour, um happy hour especial onde a compra de cada bebida alcoólica dá direito a outra igual. Na verdade, um detalhe que interessa somente aos pais ou acompanhantes, pois permite atingir uma  “zona de relaxamento”. Vale uma dica: nas sextas-feiras é quase impossível sentar nesse horário, e o Outback fica lotado com jovens  fazendo suas microfestinhas.
E com vocês.... nosso very happy hour: as comidinhas...hummm!  Atenção: alguns pratos são muito fortes e condimentados para as crianças. Às vezes é preciso pedir ao garçom para dar uma controlada no alho, na pimenta ou no sal. Minha filha tem verdadeira paixão pelo MacAroo’n Chesse do Joey Menuum penne feito ao creme de leite e queijo fundido.
Meu filho, mais cheio de “não gosto disso ou daquilo”, pediu o rei dos bifes grelhados com batatas fritas: o Outback Special. A carne e o preparo beiram à perfeição até mesmo para mestres churrasqueiros como meu marido.
Uma salada Caesar acompanha o prato do Matias. Apesar de ser forte no alho, ela é o paraíso. Nem ouse namorar após esse molho. A salada foi devorada por minha pessoa.
Para beber, um chopp ultra gelado.... 
...e uma caipira de limão, também beirando à perfeição. Nem imaginava que a caipirinha deles era tão boa. Couvert com pão preto e mel não podia faltar.
É muito difícil escolher algo do cardápio. Eu amo quase tudo. Do filé de Tilápia Woodhouse Style ao Alice Spring Chicken. Dúvida, dúvida e mais dúvida. Solução: resolvemos aproveitar o Billabong Hour e pedimos só appetizers. Primeiro, calamari – lulas empanadas com dois molhos ultra deliciosos. Um é tartare e o outro, marinara (de tomate). Desejo com todas as minhas forças que um dia o Outback comercialize esses molhinhos, como fez o Restaurante Koh Pee Pee com o molho agridoce.
Além das lulas, pedimos a incrível Steack’N Dillas, disponível somente no Billabong Hour. Minha filha adora e chama esse appetizer de pizza. Eu e o Mojo devoramos em poucos minutos as tais quesadillas recheadas com tiras de carne, champignon, mix de queijos e molho Ranch. Strongly recommended!
Nosso único problema no Outback é que comemos tanto que nunca sobra espaço para a sobremesa. Aliás, esse é sempre o nosso problema. O bom é que dá para fazer outro post só de doces do Outback, nham-nham! Nele vou me atirar com tudo no Cinnamon Oblivion. E o Matias certamente vai ficar só com a calda de chocolate, as usual.
Nosso happy family hour foi R$ 135 (descontando o vale refeição da Cata). Alguma dúvida de que repetiremos a dose?

Av. João Wallig , 1800
Shopping Center Iguatemi
Passo D'Areia - Porto Alegre/RS
(51) 3381-6609 / (51) 3381-6539
Billabong Hour: de seg. a sexta (exceto feriados), das 18h às 20h.

8 comentários:

Carol Garcia disse...

a-do-ramos o Outback e ó que Isaac vai desde pequenininho e nunca se incomodou nem com o escuro, nem com o barulho.
Toda passada por São Paulo vale uma parada no do Shopping Eldorado.
Nota 10 em tudo. Desde o atendimento passando pelo pão-preto-quente-tudo-de-bom, o chopp ultra gelado, a batata frita, as carnes e as sobremesas....
hummmmmmm
que fome. ai meu deus que fomeeeee!
ótima dica
bjo bjo

Ligia disse...

Ah..Alexandra!
Estava eu no Facebook, quando vi que tinha postagem nova, aqui no pedaço, e li de uma salivada só esse relato-delícia!

Aqui em casa, somos todos loucos pelo Outback! Dos baixinhos, aos mais grandinhos (all the family: dos seis aos sessenta...rsrsrs).

Desde que inaugurou essa rede no Rio, que frequentamos e amamos! Ou seja, somos do time da Cata! Menina de bom gosto, essa sua filhota, heim?

E vamos combinar, que esse lance dela, foi genial! Que programão, pra família! E que escolhas! Tudo divino e delicioso!
Como diz a Carol, aí em cima: que fooome!

Eu entendo que você e seu Mojo tenham devorado as Steak'N Dillas, pois também sou louca por essas quesadillas! Pancho Villa também adoraria!

Ah...e tua sobremesa também é a minha paixão! Tanto que mereceu há tempos atrás, uma foto, num dia que fui com amigas, e compartilhamos dessa tentação de canela e agregados, que os "atendentes adoram explicar". Vou até adicionar essa imagem, em tua homenagem...
Agora, o que me tira do sério, e me faz enlouquecer de vez, é a Bloomin' Onion (aquelas cebolas de outro mundo!)
Valeu o teu post e dica! Me deu uma ótima idéia pra esse finde com a garotada!
Beijos, e thanks, mate!

Tatiana disse...

Vamos confessar: todos somos no fundo americanófilos e AMAMOS o outback!!
Quem diz que não...tá mentindo!!
Como sou traída pela balança, devoro com tudo e amo a Caesar Salad - e fico com um bafinho de leão depois, claro.
Tb sou fã de carteira dos peixinhos com legumes.
Uhmmmm, gorgeous!!!
Gosto de american dream enlatado!!

Alexandra disse...

Ok, já vi que não sou a única que AMO o Outback. É bom demais! Ah, eu esqueci que o Outback tem uma coisa bem brasileira: aquela faca maravilhosa da Tramontina! Bom final de semana para todos!

Magali Moraes disse...

Ai que fome, Alexandra!!
Como sempre, uma ótima ideia pro final de semana. Amei a pancinha do Matias na foto, ele é um chocólatra desde pequeninho.
Beijos
Maga

Paola disse...

Moro em Belém e aqui infelizmente nao tem Outback. Mas sempre que viajamos, batemos ponto.
A fried calamari é mesmo perfeita. Mas pra mim, o melhor de tudo é a Ribs on the Barbie. Inclusive é o que meu filho tbm pede, mas na versão kids. E aquele pão? Aaaai, o pão do Outback...
Mas eu queria que tivesse mais distração pros pequenos.
E a caipiroska de frutas vermelhas é imbatível. Só tomei uma melhor no Olsen, em Buenos Aires.

Diego disse...

Eu queria que tivesse um Outback na minha infância. Pena que ele só chegou depois na cidade.

Bj

Adriana disse...

Só vim aqui para dizer que ADORO seu blog. Suas dicas são muito bacanas e muito bem detalhadas.
Parabéns!